Bem Vindo


quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Planeta Azul


Após estudos de imagens do telescópio espacial Hubble, da Nasa os astrônomos descobriram a cor real de um planeta que Orbita a um distância de 63 anos luz de distancia do nosso sistema solar. Para surpresa de todos o HD 189733b como é chamado,  sua cor é azul como na Terra.



Mais só a cor é igual a nossa Terra, o HD 189733b a temperatura durante o dia pode chegar a 2760 º C, com essa temperatura provavelmente não tem agua, com ventos de 7200 km/h. Sua luz azul não vem do reflexo dos oceanos como na Terra, mais das altas temperaturas e de nuvens com partículas de silício que ao se condensarem no calor formam gotas de vidro refletindo uma luz azul.


Esse Planeta foi descoberto em 2005, sua estrela mais próxima é de 4.6 milhões de quilômetros estão muito próximos que os campos gravitacionais interferem fazendo que esse planeta não tenha rotação um lado desse planeta recebe a luz da estrela e o outro sempre escuro.


Fonte:  Ultimo Segundo IG



quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Os Dinossauros


Significado de DINOSSAURO (do grego deinos = terrível / sauros = réptil) é um termo usado para classificar duas grandes ordens de répteis arcossauros da Era Mesozoica: os Saurischia e os Ornithischia. Os Saurichia "bacia de lagarto" composto por todos os terópodes (carnívoros  bípedes) e os sauropodomorfos (quadrúpedes de pescoço e cauda longa). Uma das principais características os ossos da bacia separados, semelhantes aos lagartos. Já os Ornithischia "bacia de ave" tinam os ossos da bacia um do lado do outro. Compreendem todos os outros tipos de dinossauros.

Surgiram há 208 à 144 milhões de anos atrás no período da Era Mesozoica formando principalmente por grandes animais embora existirem pequenos povoando toda a terra. Pesando de varias toneladas à pouco quilos dominavam a terra durante toda sua existência.

Vamos ver algumas características de alguns deles entre eles: Tiranossauro Rex, Tricerotops, Estergossauro, Anhaguera entre outras espécies que não são muito conhecidas.


Começando com o mais temido e o mais popular de todos o Tiranossauro Rex ou T Rex: Viveu no final do cretáceo 75 milhões de anos atrás, considerado o maior dinossauro carnívoro, bípede, suas pernas longas e braços muito curtos e finos. Quando adultos sua altura de 12 metros e o seu peso cerca de 6 toneladas sua velocidade chega até 50 km/h. Os dentes de um tiranossauro são de 30 cm, ao perder o dente crescendo outro no lugar.

 Triceratops: Do Latim "Cabeça de Três Chifres", era herbívoro, quadrúpede viveu no final do cretáceo, foi o maior de sua espécie que possuía três chifres na cabeça, sua altura de 3 metros por 9 metros de comprimento pesando 6 toneladas. Seu parente mais próximo  atualmente é o rinoceronte.

Sauros Galeria






Estegossauro: Do Latim "Lagarto Telhado", essa espécie era quadrúpede, herbívoro viveu no fim do período jurássico. Seu comprimento era de 9 metros e 4 metros de altura seu peso de 4 toneladas. Possuía enormes placas ósseas nas costas e na cauda, usadas para defender e controle de temperatura.






Pterodáctilos: Esse esta no mesmo grupo de animais do tempo dos dinossauros seu diferencial é sua capacidade de voar, era um réptil voador e carnívoro, seu principal alimento era peixes e pequenos animais, o comprimento de suas asas envergadura era pequena comparando com o pterossauro e outros de espécies semelhantes.









 

Saurópodos: É o grupo de peso pesado eles eram herbívoros e com um longo pescoço foram um dos grandes animais que existiram na terra, se alimentavam das grandes árvores existentes, seu corpo era  muito grande seu pescoço comprido e afinando até chegar a cabeça, seus dentes fracos, para facilitar o processo de digestão do alimento tinha pedras no estômago. No inicio eram bípedes com o passar do tempo evoluíram e foram tonando-se quadrúpedes. Os mais conhecidos desse grupo são: Braquiossauro, Amphicoelias, Diplodoco e outros.

Anhaguera: Era um dos maiores pterossauros sua envergadura de uma asa a outra era de 13 metros, com o corpo esticado media 3.5 metros e no solo 1.5 metros pesando 100 kgs, viveu no período Cretáceo. Seu corpo de estrutura leve ajudava bastante para voos mais distantes podendo planar centenas de quilômetros sem bater asas apenas usando correntes de vento isso faz que tenha espécies como esta por todo planeta.


Avimimo: Do Latim "Imitação de Ave", espécie onivero e bípede existiu no período Cretáceo seu comprimento era 1.50 metro e 1 metro de altura, esse era peso leve só 15 kgs, se alimentava de insetos e pequenos animais frutas e algumas plantas, onivero.

Mossasauro: É uma das espécies que dominavam  os oceanos no final do Cretáceo, seu corpo fusiforme, bem adaptado a vida na agua mais superficial, carnívoros podendo chegar a 17 metros de comprimento, pesando 6 toneladas.

O Que Aconteceu !?
 


Foram extintos,é o que vamos falar agora sobre uma das teorias mais aceitas na comunidade científica a do físico americano Luiz Walter Alvarez e Walter Alvarez, que os dinossauros foram extintos devido ao impacto de um asteroide na Terra. Esse Evento pode ter determinado inclusive a separação do super continente veja PANGEA. O asteroide caiu no México, com mais de 10 quilômetros com o impacto da queda na terra liberando uma energia aproximada de uma explosão de 5 bilhões de bombas atômicas como as de Hiroshima e Nagasaki de 1945, com essa explosão espalhou grande nível de poeira e terra impedindo a luz do Sol durante anos.

Com isso os vegetais que necessitam de luz e calor vindo do sol passou a morrer afetando inicialmente os animais herbívoros e chegando a outros níveis como os carnívoros diminuindo a cadeia alimentar para todos causando a extinção em larga escala no planeta.

Esse foi o fim das criaturas mais fantásticas existentes na terra, sem esse acontecimento seria muito difícil a existência de todos animais atuais e seres humanos. Mais podemos ver los de varias maneiras reproduzidos através de filmes, bonecos, pinturas, jogos, fotos etc, abaixo veremos sugestões de filmes relacionados.

Jurassic Park 1,2,3,4



Mundo Perdido 






Dinossauros




Era do Gelo 1,2,3,4





Família Dinossauro




Impacto Profundo 





Armagedom 



Bom até a próxima,




domingo, 16 de junho de 2013

Sistema Solar



Nosso sistema solar é composto por 8 planetas, cada um com características próprias, contadas pela distancia do Sol temos: Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno. Sendo o Sol a estrela localizada no centro do nosso Sistema Solar sua composição é de hidrogênio e hélio sua energia é vista por todo sistema solar principalmente por luz e calor. Agora veremos cada um de forma mais detalhada.





Mercúrio


Mercúrio é o planeta que fica mais no interior do Sistema Solar. É o primeiro planeta próximo ao sol. Seu movimento caracteriza-se pelo seu eixo e a revolução de sua orbita ao redor do sol, sua rotação é igual a 58,65 dias terrestres e completa seu período de ano 87.95 dias.

Possuindo estrutura ausente na Lua, seu sistema de grandes fraturas da crosta, geralmente causadas por um processo de contração causado pelo efeito de arrefecimento durante sua formação.


Vênus


Sabe-se que no passado Vênus sofreu grande atividade vulcânica e que ainda poderá ocorrer grandes atividade vulcânicas como expulsão de gases e lava.

É o segundo planeta do sistema solar por ordem de distancia do sol, próximo a terra e o astro mais luminoso do nosso céu, depois do sol e lua. Sua orbita é percorrida em 225 dias praticamente circular. A rotação de seu eixo é muito lenta com um dia que dura quase 243 dias terrestres, girando em sentido retrógrado ao contrario dos outros planetas.

Sua superfície é um verdadeiro inferno, a pressão atmosférica é 90 vezes superior da Terra e com temperaturas de 500º C, causando efeito estufa. Sua atmosfera é composta de grande parte de dióxido de carbono  (co2), e pouco nitrogênio.

Terra



A Terra é o terceiro planeta do Sistema solar, a contar a partir do Sol e o quinto em diâmetro entre os planetas, sendo a única que possui uma real condição para toda existência da vida, com temperatura apropriada e atmosfera que nos protege dos raios nocivos do sol.

Mais sobre a Terra, Postagem A Origem da Terra.








Marte


Conhecido pela sua aparência vermelha, girando em volta do sol a uma distancia aproximada de 228 milhões de quilômetros. Sua trajetória de forma elíptica, demorando 686,98 dias para dar uma volta completa ao redor do Sol e seu plano orbital possui uma inclinação de 1.86º em relação a orbita da terra. Acompanhado de dois pequenos satélites o Deimos e o Fobos descobertos em 1877.


Sendo o mais exterior dos planetas rochosos, pequeno e árido globo de atmosfera tênue sua estrutura interna não tão conhecida. Mais através da densidade media e achatamento polar e da velocidade de rotação, é possível deduzir que o planeta tem um núcleo de ferro e sulfato de ferro com 1700 km de raio, e uma crosta com cerca de 200 km de espessura.

Júpiter


O planeta gigante é o centro de um sistema composto por  63 satélites e um anel. Embora Vênus supere em beleza no céu da aurora ou do crepúsculo, Júpiter e mais espetacular mesmo com um modesto instrumento óptico para sua observação. Nome de rei dos deuses da tradição grega romana, sua distancia aproximada do sol é de 778,33 milhões de km, demora 11,86 de anos a descrever uma orbita completa.


O que mais destaca é por ter dimensões muito grandes com o raio de 71,492 km, volume 1.300 vezes maior que a Terra sua massa é de 318 em relação a Terra, Superando todos os outros corpos do sistema solar com exceção do Sol.

A formação de sua atmosfera é denominada Grande Mancha Vermelha, uma perturbação atmosférica com 30.000 km de extensão ja dura mais de  300 anos.

Saturno


Até 1977 Saturno era conhecido como o único planeta rodeado com um sistema de anéis.


Depois de Júpiter ele é o maior planeta, com volume de massa 95 e 844 vezes, maior que o da Terra. Sua densidade aproximada é de 69% da agua, o que indica sua composição tem hidrogênio e hélio.


Sua formação de vários ciclones, de cor parda clara, apesar de não ter a grande mancha vermelha de Júpiter. Possuindo ovalos com 1.200 km de duração breve e apenas nas latitudes altas.

Urano


É o primeiro dos planetas descobertos na época moderna, sua distancia do Sol é 2.871 milhões de km, demora 84,01 anos a completar uma volta do sol.


É um planeta cujo eixo de rotação coincide com o plano orbital, seu raio de 22.559 km e massa equivalente a 14,5 da massa da Terra, sendo considerado irmão gêmeo do Netuno. Sua Cor é de verde azulada da atmosfera devido a grande quantidade de metano gasoso apenas 2% das moléculas que absorve os raios solares, condensando a altitudes bem elevada formando uma camada de nuvens.

Netuno


E por fim temo o Netuno sua orbita esta distante do sol a 4.497 milhões km ele completa uma volta demora 165 anos. Sendo descoberto em Setembro de 1846 não a dados informados sobre sua volta ao redor do Sol, sua massa é 17 vezes maior que a da terra e densidade de  1.64 vezes da agua.

Como todos os planetas gigantes gasosos, não apresenta uma separação definida entre a atmosfera gasosa e sólida, definindo como nível o nível de pressão de 1 bar.

Sua atmosfera é constituída basicamente, por hidrogênio e hélio com pequena percentagem de metano absorvendo a luz vermelha do Sol, sua cor caracteriza pela influencia a meteorológica e a química do planta.




Bom Por hora é só pessoal 

A Próxima o Bicho Vai Pega  




Corra  Para Fugir.




terça-feira, 14 de maio de 2013

Pangeia

 A Pangeia era um super continente que existiu há 200 milhões de anos, durante a era Mesozoica. A origem da palavra se dar pelo fato dos continentes estarem unidos, traduzindo do grego "pan" (todo, inteiro) e "geia" (terra).


Após milhões de anos começou a se fragmentar dividindo em grandes blocos originando dois continentes. Dados inicialmente o nome de Gondwana que pertence esta a América do Sul, África, Índia e Austrália e a outra metade formada pela Laurásia que estão a América do Norte, Europa, Ártico, Ásia, sendo originalmente formado por um único oceano.

 

Nesse Período de milhares de anos a Laurásia e a Gondwana foram se dividindo até o tempo atual formado por 7 continentes, devido as correntes de convecção que surgiram as fissuras na crosta terrestre. O resultado dessa constante movimentação das placa que foram se afastando formando o oceano Atlântico e os demais oceanos atualmente existentes.

Bom de fato aconteceu um evento muito grande para que um único continente de alguma forma se dividir em dois a Laurásia e a Gondwana, acredito que houve uma queda de meteoritos na terra com um ponto principal que se dividiu e o restante ficou com fissuras devido ao impacto dos meteoritos na terra. E por muito tempo esses lugares foram fragmentados em grandes blocos (continentes) separando e formando o que existe atualmente e as placas continuam em constante movimento.



sexta-feira, 12 de abril de 2013

Vulcões


Os Vulcões têm origem nas falhas ou brechas das placas tectônicas, o magma ao sair do interior da terra está em temperaturas altíssimas  O magma é composto principalmente de gases dióxidos de carbono e blocos de rochas e outros materiais derretidos que saem das profundezas da terra.


Alguns deles são muito ativos e estão continuamente em erupção, alguns nas Ilhas Lirpari localizadas na Itália e em Izalco no El Salvador em contante atividade podendo estar por breves temporadas adormecidos e também pode entrar em erupção a qualquer momento.

Alguns problemas mais comuns em regiões próximas aos vulcões são os acúmulos de fumaça e gases no ambiente atrapalhando viagens aéreas, causando as vezes muitos estragos ambientais e aos seres humanos destruindo cidades e causando grandes prejuízos  Por outro lado a Fumaça liberada, juntamente com compostos mineirais deixando os solos muito férteis tendo um fator importante para as grandes plantações  de uva, laranja entre outros produtos cultivados na terra como é o caso de Vesúvio na Itália e entre outras regiões.

 

Algumas Localizações de vulcões espalhados pela Terra.

Etna - Sicilia na Itália sendo o vulcão mais alto da Europa com 3.3 km de altura
Egon - Ilha das Flores na Indonésia
Reventator no Equador
Kilauea - No Havaí Estados Unidos
Sakurajima - No Japão 

Alguns filmes sobre vulcões que são muito interessantes para ver alguns em atividade desde a lugares habitados ou lugares bem remotos, lembrando basicamente são efeitos bem comuns lavas vulcânicas explosões consistência vale apena conferir.

Volcano - A Fúria 


Inferno de Dande


Zona de Desastre: Um Vulcão em Nova York


Vulcões: A Fúria Adormecida



Bom Até  a Próxima  onde iremos falar sobre o Primeiro Continente Formado na Terra quem Sabe  !?




sexta-feira, 8 de março de 2013

A Origem da Terra


Iniciando esse blog,  abordaremos os seguintes temas sobre a vida: seres vivos, plantas, animais domésticos e selvagens, meio ambiente e outros assuntos relacionados.

Sobre a criação do mundo, o mais próximo que existe hoje pode-se ser analizado de duas formas: versão biblica e a versão cientifica. Existe varias teorias e explicações sobre a origem da terra.
Algumas das principais teorias:


- Criacionistas da Terra Jovem: Em comum, os integrantes desta linha criacionista acreditam que o planeta tenha sido criado por Deus há apenas 6 mil ou, no maxímo, 10 mil anos.

- Terra Plana: Para esse grupo, que faz interpretação literal da Bíblia, a terra é chata, coberta por um firmamento, e as águas suspensas seriam as causadoras do dilúvio. Embora seja um grupo cada vez menos expressivo, essa visão que remete à Antiguidade e à Idade Media persiste em pleno século XXI. Ex Charles K. Johnson (International Flat Earth Society).

- Geocêntricos: Aceitam que a terra é redonda, mas negam todas as evidências científicas que, desde Copérnico (1473 - 1543) e Galileu (1564 - 1642), provam que é a terra que gira ao redor do sol e de seu própio eixo - e não o contrário. Ex.: Gerardus Bouw (Biblical Astronomer Organization) e Tom Willis (Creation Science Assotiation for Mid - America).


- Criacionistas da Terra Antiga: Aceitam as evidências da antiguidade do planeta, mas ainda as encaixam na lógica das escrituras bíblicas.

- Teoria Progressiva: Aceita o big bang e a maioria das teorias da física moderna como reforços do poder criativo de Deus. Mas acredita que todos os seres vivos foram criados de modo progressivo e sequencial por Deus, sem relação de parentesco ou ancestralidade. Ex.: Hugh Ross (autor de Reasons to Believe).

- Versão Biblica:  No inicio, Deus criou o céu e a terra.

O Primeiro dia, separou as luzes das trevas.
Ao Segundo dia, criou o firmamento dando-lh o nome de céu.
Ao Terceiro dia, fez a terra germinar e criou as plantas e os seus frutos.
Ao Quarto dia, colocou no céu o sol,a lua e estrelas.
Ao Quinto dia, povoou as águas de peixes e os céus de pássaros.
Ao Sexto dia, povoou a terra de animais de todas as espécies e criou o homem à sua imagem e semelhança.
Ao Setimo dia, descansou.


 

A Terra e o Sistema solar começaram a existir há 5 ou 6 bilhões de anos. O calculo da idade das origens da terra é realizado por medições radiometricas de amostras recolhidas.

A atmosfera era composta por 80% gás carbônico 10% de metano, 5% monóxido de carbono e 5% de nitrogênio. Com pouco oxigênio, e era muito quente devido às atividades vulcânicas, gases e lava.

Não havia camada de ozônio, por isso era forte a atividade de raios ultravioletas, descargas eletricas etc. Com o passar do tempo formavam-se as primeiras gotas de água que imediatamente evapaoravam com as altas temperaturas em processos simultâneo, com o tempo foram diminuindo as altas temperaturas da terra, passando a surgir os primeiros sinais de acumulo de água, o que originou o surgimento de rios e oceanos.

A terra esta dividida em três camadas: a crosta, manto e núcleo. Sendo que a Crosta ou superficie é a parte mais fina que é habitada por todos os seres vivos. O Manto é parte intermediaria localizada entre o núcleo e a superficie, e depois, o Núcleo localizado no centro da terra.










 Vendo cada camada por partes e como ela é formada e sua composição, a Crosta - como já sabemos é a parte externa, composta de grandes regiões de solo e formação rochosa, desertos, e grandes oceanos que isolam os lugares mais altos formados por continentes divididos pelas placas tectônicas que se movimentam através das lavas vulcânicas (magma).

No inicio, a terra era formada por um único continente chamado Pangea, após milhares de anos foram se separando, algumas veses nessa grande movimentação entre as placas com grandes impactos gerando imensas cordilheiras e conjuntos montanhosos causando terremotos e surgimento de vulcões.

Núcleo - com cerca de  3400 km de raio constituida por ferro e níquel a uma temperatura aproximadamente 3.500 graus. De consistência líquida e também com o núcleo solido.



    (*_*)                (*_*)

Bom por enquanto é isso Obrigado Pela Visita.